Simulador de tiroteios é criado pelo Exército americano e divide opiniões

Os Estados Unidos sofrem há muitos anos com massacres e tiroteios em escolas e outros espaços coletivos, o problema já atingiu níveis de questão de segurança pública há tempos e as autoridades buscam meios para combater o problema. Agora, uma iniciativa do Exército norte-americano tem divido opiniões. O departamento de Segurança Nacional dos EUA desenvolveu um simulador que recria cenários de tiroteio em escolas.

simulador-tiroteio

O departamento de segurança afirma que o simulador tem como intenção conscientizar os funcionários sobre o melhor método para se proteger e conservar a própria vida, além de conseguir agir na preservação da vida dos alunos. Mas isso não tem impedido que o projeto receba críticas de pessoas que acreditam que o simulador pode acabar incentivando.

O simulador será disponibilizado apenas para PC e não será vendido. O simulador será distribuído apenas para fins didáticos entre funcionários de escolas. Um vídeo divulgado pelo Gizmodo demostra um pouco da iniciativa.